03 março, 2012

Trabalhando com poema de Elias José

Trabalhando com poema: A caixa mágica: Elias José
antecipação de conteúdos de leitura
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
Desenvolver disposições favoráveis para  a leitura.
  Antecipar conteúdos e confirmar (ou não) as hipóteses.
  Adquirir conhecimento sobre autores e suas obras.
Duração das atividades
30 minutos.
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
Não é necessário um conhecimento prévio específico relativo à leitura, já que o intuito principal é o de desenvolvê-la.
Estratégias e recursos da aula
1 – Contato com material de trabalho
 OBJETIVOS:
Antecipar conteúdos e confirmar (ou não) as hipóteses.
PROCEDIMENTOS: 
- Apresente o livro “A caixa mágica de surpresa”, de Elias José. Disponível em: <http://www.tudomercado.com.br/tm/aviso/img_avisos/Submarino_201930.jpg>. (Acesso em: 11 nov. 2010).
Antes de iniciar a leitura, trabalhe informações do livro como: autor, editora, ano de publicação etc.   
É pertinente, quando possível, apresentar algumas curiosidades sobre o autor, como seu estilo literário, outros títulos publicados e/ou premiados, fotografia, cidade de nascimento, formação, entre outros. Estas informações viabilizam a expansão do repertório das crianças quanto aos títulos/obras, estilos literários, autores e outros mais. Este contato possibilita ainda ampliar oportunidades para identificação do estilo e/ou autor que despertem nas crianças maior interesse e prazer na leitura.  
Dicas: 
Sobre a biografia de Elias José, sugerimos consultar: <http://www.educarede.org.br/educa/index.cfm?pg=biblioteca.biografia&id_autor=63> e <http://pt.wikipedia.org/wiki/Elias_Jos%C3%A9>. (Acesso em: 11 nov. 2010).   
Sugerimos alternativa para reapresentar a história a partir de um vídeo que encontra-se disponível em <http://www.youtube.com/watch?v=G-sD6V9JRaY>. (Acesso em: 11 nov. 2010).  
Após a leitura da poesia, destine um tempo para uma conversa “livre”, que deve contemplar, entre outros, os recursos utilizados pelo autor para expressar suas ideias e sentimentos sobre o livro. Copie o poema em um cartaz, de modo que todos possam ver. Fixe esta cópia no quadro-negro e explore a essência de algumas frases, como as destacadas abaixo.    
A caixa mágica de surpresa
Elias José 
UM LIVRO
É UMA BELEZA,
É CAIXA MÁGICA
SÓ DE SURPRESA  
UM LIVRO P
ARECE MUDO,
MAS NELE A GENTE
 DESCOBRE TUDO
UM LIVRO
TEM ASAS
 LONGAS E LEVES
QUE, DE REPENTE,
 LEVAM A GENTE
LONGE, LONGE
UM LIVRO
É PARQUE DE DIVERSÕES
CHEIO DE SONHOS COLORIDOS,
CHEIO DE DOCES SORTIDOS
 CHEIO DE LUZES E BALÕES
UM LIVRO
É UMA FLORESTA
COM FOLHAS E FLORES
E BICHOS E CORES
É MESMO UMA FESTA,
 UM BAÚ DE FEITICEIRO,
UM NAVIO PIRATA NO MAR,
UM FOGUETE PERDIDO NO AR,
É AMIGO E COMPANHEIRO.
- Prepare as estrofes do poema em cartolinas ou kraft, de modo que em cada folha haja uma estrofe. Organize seis grupos para que cada um deles possa trabalhar a ilustração das estrofes. Explique às crianças que uma ilustração tem a responsabilidade de representar, através de imagens, o que o texto diz, apresenta.  

Reúna as estrofes e fixe no mural da sala. Complete este mural, preparando uma breve apresentação escrita sobre o autor. Indique, neste texto, alguns títulos deste autor disponíveis na biblioteca da sua escola.  Junte a ele uma fotografia do autor.
 2 – Estrutura e desenvolvimento do trabalho
OBJETIVO:
Antecipar conteúdos e confirmar (ou não) as hipóteses.
PROCEDIMENTOS:
- Identifique na biblioteca da sua escola a relação de livros disponíveis da autoria de Elias José. Entre estes, selecione dois ou três para desenvolver um trabalho similar ao sugerido na atividade 1. Contudo, desta vez, antes de iniciar a leitura da obra, as crianças deverão ser questionadas quanto à expectativa propiciada a partir do título. Isto é, após a apresentação das informações que compõe a capa, as crianças deverão elaborar uma ideia do conteúdo do livro, contando apenas com o título e o estilo literário do autor, parcialmente conhecido a partir da atividade 1.
- Solicite que façam um desenho sobre o que imaginam encontrar no livro. Recolha a atividade e repita após a leitura. Devolva o material para as crianças e oriente que façam uma comparação, buscando identificar o que propiciou as diferenças. Nesta atividade de comparação, destaque o material das crianças que conseguiram contemplar, já na primeira versão, a mensagem principal do livro. Este destaque deve ocorrer no sentido de levar os colegas a identificar o que devemos apreender a partir de um título, da ilustração da capa.
Ainda nesta comparação, retome o título do livro “Caixa mágica de surpresa”. A retomada tem a finalidade de consolidar a magia e surpresas que um livro proporciona ao leitor.  
  Sugestão de obras – Elias José:
Namorinho de portão — São Paulo, Editora Moderna.
Segredinhos de amor — São Paulo, Editora Moderna.
Os primeiros voos do menino — São Paulo, Editora do Brasil.  
Sorvete Sabor Saudade — São Paulo, Editora FTD.
Das obras por você selecionadas, decida se trabalhará todos os textos ou se dedicará a alguns apenas. No caso de optar por alguns, lembre-se de mencionar o título dos demais, despertando a curiosidade das crianças em concluí-lo em outra ocasião.
Mesmo trabalhando todo o livro, selecione no mínimo um poema de cada livro para trabalhar de modo mais detalhado, como o exemplo que apresentamos a seguir do livro “Namorinho de Portão”:
Brincando de não-me-olhe
Elias José (Livro: Namorinho no Portão – Editora Moderna)
Não me olhe de lado
Que eu não sou melado.
Não me olhe de banda
Que eu não sou quitanda.
Não me olhe de frente
Que eu não sou parente.
Não me olhe de trás
Que eu não sou satanás.
Não me olhe no meio
Que eu não sou recheio.
Não me olhe pela janela
 Que eu não sou panela.
Não me olhe da porta
Que eu não sou torta.
Não me olhe do portão
Que eu não sou leitão.
Não me olhe no olho
Que eu não sou caolho.
Não me olhe na mão
Que eu não sou mamão.
Não me olhe no joelho
Que eu não sou espelho.
Não me olhe no pé
 Que eu não sou chulé.
Não me olhe de baixo
Que eu não sou riacho.
Não me olhe de cima
Que acabou a rima.
1 – Ao ler este poema, qual marca pode ser observada ao final de cada verso?
2 – Numere as estrofes e, para cada uma delas, utilize uma cor para indicar as rimas.
3 – Observe as estratégias utilizadas pelo autor neste texto. Após esta observação atenta, em sua opinião, qual seria uma das características autorais de Elias José?
 4 – Considerando as informações do texto, pode-se compreender que este foi escrito para quem?
3 – Demais produções
OBJETIVO:
Desenvolver disposições favoráveis para leitura.
Antecipar conteúdos e confirmar (ou não) as hipóteses.
Adquirir conhecimento sobre autores e suas obras.
PROCEDIMENTOS:   
- Decore uma caixa ou mala. Este material será o suporte para o processo de pesquisa que será desenvolvido pelas crianças. As atividades 1 e 2, vivenciadas até então, foram preparadas pelo professor, mas passarão a ser desenvolvidas pelas crianças com apoio de algum familiar, a partir de uma orientação prévia do professor.                                                                                       
A ideia consiste em elaborar um rodízio desta caixa na casa dos alunos. A criança sorteada para levar a caixa, juntamente com sua família, deverá eleger um livro para apresentar à turma. Este livro poderá ser da biblioteca da escola, comprado ou mesmo ser algum que a criança já possui. Ao apresentar o livro escolhido, será preciso expor as principais informações da capa (editora, ano de publicação, ilustração etc.). Além disso, nesta exposição, um enfoque à biografia, à trajetória do autor e à indicação de algumas de suas publicações serão os principais elementos a serem explorados.  Assim, deixe clara esta orientação para os familiares no comunicado que vai preparar para enviar. Oriente, também, que o livro deve ser guardado “secretamente” na caixa e, só após a apresentação sobre o autor é que ele será apresentado aos demais colegas. Quanto à apresentação, o professor fará somente a leitura do livro. Mas, antes de iniciar a leitura, a criança responsável, com apoio do professor, deve convidar os colegas a expor o que imaginam sobre o livro, a partir do título e também das informações apresentadas sobre o autor.
Dicas: 
 Para a apresentação, oriente as crianças a darem dicas, pistas, na tentativa que algum colega possa identificar que autor ou livro será apresentado.
 Prepare um caderno para ser um diário de registro para as famílias e crianças expressarem através de fotos, desenhos, textos ou outros o significado desta atividade.
Além do caderno, coloque também na caixa uma pasta para que os participantes registrem o livro e o autor trabalhado, assim evitamos repetição.
A partir de um sorteio, registre a escala de apresentação com as datas e comunique às famílias, de modo que possam se organizar com antecedência. Sugiro, ainda, que estabeleça um dia e horário fixos para esta atividade. Esta organização colabora para a construção de rotinas.
Após a leitura de cada livro, ofereça ¼ de folha tamanho A4 colorida, para que escrevam de modo espontâneo o título do livro trabalhado no dia e seu autor. Deverão, ainda, ilustrar este registro com uma imagem que remeta à temática do livro. Terminado o rodízio, reúna este material que, de algum modo, representará um “catálogo” de livros.
Dicas:
Professor, faça parte deste rodízio.
Na orientação enviada às famílias poderá pedir, ainda, que uma “explicação” que justifique a escolha seja informada. Esta alternativa é interessante, pois muitas curiosidades que se aproximam do gosto da criança e das oportunidades até então vivenciadas poderão ser percebidas. Por exemplo, pode ser apresentado algum livro que marcou a infância de um irmão mais velho, da mãe, entre outros.
- Terminado o rodízio, prepare um portfólio com o resumo de tudo que foi trabalhado. Contemple, neste portfólio, um breve informativo sobre cada autor, se possível coloque a fotografia de cada um deles, bem como as principais obras publicadas. Ofereça uma cópia deste material para cada criança, de modo que terão uma lista de sugestão de futuras leituras.
Recursos Complementares
Consulte aqui mesmo no portal:
Escrita de biografia -  http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=21308 (Acesso em 16 de Nov. de 2010).
A exploração das capas de livros e revistas: elementos de “entrada” para a compreensão dos textos que veiculam -   http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=21245  (Acesso em 16 de Nov. de 2010).
Diário de leitura: construção de fichas de leitura e análise de obras literárias -  http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=21028 (Acesso em 16 de Nov. de 2010).     
Avaliação
A partir das atividades indicadas nesta aula, devem-se avaliar, sobretudo, atitudes, comportamentos, no que diz respeito à leitura. Espera-se que a criança mostre-se mais interessada em ler, não se restringindo ao conteúdo do livro. É desejável que tenha despertado sua curiosidade para os autores. Assim, contamos que, nas atividades realizadas na biblioteca, nas rodas de leitura, a criança revele-se envolvida e entusiasmada, participando, expressando ideias, críticas, sugestões, além de correlacionar autores, fatos e outros mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário